9.5.13

No encalço


A menina chorona 
vai de carona,
secando suas lágrimas 
ao vento,
distraindo-se com a paisagem,
passa o tempo;
repetindo pra si mesma:
Ser feliz?
Eu tento.
E olha que 
consegue.
A menina chorona
não sabe,
mas a felicidade 
a persegue.

pedro antônio de oliveira

3 comentários:

Be Lins disse...

Maravilhoso,
sensível e tão tocante,
faz pensar no natural que é ser feliz,
fiquei feliz demais com sua poesia.

Beijo

Mikaele Tavares disse...

Belo poema. Precisamos nos alimentar da esperança que a felicidade nos persegue, sempre!

Raquel Rocha disse...

Lindo poema, espero que não se importe de eu ter compartilhado em meu blog de poemas!

http://orvalhoemflor.blogspot.com.br/search/label/8%20Temas%20diversos?&max-results=7