5.6.13

Solano Trindade e Dandara


Dandara em:
Poesia negra do povo

Outro dia descobri um poeta que, além de escrever textos lindos, ainda consegue fazer a gente refletir sobre um montão de coisas superlegais. O nome dele é Solano Trindade. Incrível, ele foi um artista completo! Ator, teatrólogo, pintor, folclorista e um grande herói da resistência negra, Solano fundou, em 1936, a Frente Negra Pernambucana e o Centro de Cultura Afro-Brasileiro, pra divulgação dos intelectuais e artistas negros da época. Não é um barato? Em 1934, participou do I e do II Congressos Afro-Brasileiros, em Recife e em Salvador. Ele morou também em Belo Horizonte; depois foi pro Rio Grande do Sul; e, em Pelotas, criou, com a ajuda do poeta Balduíno de Oliveira, um grupo de arte popular bacanérrimo. E, por lá, difundiu lindos poemas afro-brasileiros.

Solano era Pernambucano. Nasceu em 24 de julho de 1908 no bairro de São José, no Recife. Seus últimos dias ele passou no Rio de janeiro. Despediu-se da gente no dia 19 de fevereiro de 1974. Chiii... eu nem era nascida. Mas o importante é que hoje crianças, feito eu, podem conhecer sua arte e se encantar com seus versos fortes e bonitos, como estes aqui:

Tem gente com fome

Trem sujo da Leopoldina 
correndo, correndo
parece dizer...


Tem gente com fome
tem gente com fome
tem gente com fome.

Piiiii...

Estação de Caxias
de novo a dizer
de novo a correr ...

Tem gente com fome
tem gente com fome
tem gente com fome.

Vigário Geral
Lucas
Cordovil
Brás de Pina
Penha Circular
Estação da Penha
Olaria
Ramos
Bom Sucesso
Carlos Chagas
Triagem, Mauá.

Trem sujo da Leopoldina
correndo, correndo
parece dizer...

Tem gente com fome
tem gente com fome
tem gente com fome.

Tantas caras tristes
querendo chegar
em algum destino
em algum lugar.

Trem sujo da Leopoldina
correndo, correndo
parece dizer...


Tem gente com fome
tem gente com fome
tem gente com fome.

Só nas estações
quando vai parando
lentamente começa a dizer.

Se tem gente com fome
dá de comer
se tem gente com fome
dá de comer
se tem gente com fome
dá de comer.

Mas o freio do ar todo autoritário
manda o trem calar.


Psiuuuuuuuuuu.


Solano tinha razão. Tem tanta gente com fome, fome de tudo, se quer saber! Fome de escola de boa qualidade, fome de emprego digno, fome de saúde, fome de respeito, fome de justiça social, fome de igualdade de direitos. Sem contar a fome de carinho, a fome de amor, a fome de honestidade e a fome de paz. Nunca vou me esquecer do apito desse trem: “tem gente com fome, tem gente com fome, tem gente com fome...”.
Aproveite e leia os outros microcontos da Dandara: 
Visite também o blog do Clayton Ângelo.

pedro antônio de oliveira

6 comentários:

José María Souza Costa disse...

CONVITE
Passei por aqui lendo, e, em visita ao seu blog.
Eu também tenho um, só que muito simples.
Estou lhe convidando a visitar-me, e, se possível seguirmos juntos por eles, e, com eles. Sempre gostei de escrever, expor as minhas idéias e compartilhar com as pessoas, independente da classe Social, do Credo Religioso, da Opção Sexual, ou, da Etnia.
Para mim, o que vai interessar é o nosso intercâmbio de idéias, e, de pensamentos.
Estou lá, no meu Espaço Simplório, esperando por você.
E, eu, já estou Seguindo o seu blog.
Força, Paz, Amizade e Alegria
Para você, um abraço do Brasil.
www.josemariacosta.com

Rabisco disse...

Olá!
Esta é a página do Facebook do meu novo livro de poesia "Em Teus Olhos Seria Vida".
Gostava de poder contar com o teu "gosto" na minha página.
Obrigado!

www.facebook.com/EmTeusOlhosSeriaVida

ou em:

poesiafaclube.com/store/josé-manuel-pereira-"em-teus-olhos-seria-vida"

=)

Crista disse...

Heheheeeeeeeeeeeeee...
Pensastes que eu não iria aparecer mais,não é?????
Puro engano teu...
Jamais deixaria de vir aqui,ainda mais nesse dia tão especial...MEU DIA...
Pára,né???
Então tu não sabes que eu sou a NAMORADINHA DO BRASIL e agora também a NAMORADINHA DO MUNDO(dazoropas,dazaméricas,dozóinhos puxados,etc e tal)???
Viu como tu és importante?
Com todo mundo aos meus pés,venho aqui só pra te ver e dizer que voltei para ficar!
Feliz,né???
Eu sei...porque também estou e esperançosa de poder continuar no teu coração.
Já me vou porque estou indo,mas não te desesperes...
Logo,logo me volto pra tu...
Beijão estupidamente demorado,desses para matar a saudade de vez!!!!

CristaCristalCristalina - a famosa 3C ...ksksksksksks -

PS:Não fiques triste,mas vou postar esse meu bilhetinho para cada um da minha legião de fãs...ksksksks...senão não dou conta de te paparicar mais tarde...sei que vais TENTAR me compreender...OBRIGADA!!!!

carlos augusto Andrade disse...

Olá. Parabéns pelo blog. Estou seguindo ele. Siga o meu http//:gauchaopina.blogspot.com, se QUISER. Curta a minha página no Facebook também: http://www.facebook.com/BlogPlanetaCurioso?ref=hl . Até mais e obrigado. Um abraço. Estou buscando novos leitores para meu blog, e novos blogs para ler. Vamos fazer essa parceria.

Pequeno Príncipe disse...

Oi Pedro, a única fome do povo tinha que ser a fome de ler!Adoramos o post!Eu não conhecia o trabalho adorável desse poeta.Obrigada amigo.
Um abraço
Pedro e Amara

Mikaele Tavares disse...

Solano tinha verdade.. Há tantas fomes por aí, que cada um saiba matar a sua e cada um saiba matar daqueles ao seu redor.. Bom conhecer um poeta assim. Gostei :)