1.11.12

Clarividência



Ser infeliz é mais fácil, mais cômodo. Sua vida cabe toda num quartinho escuro e mofado. Ser feliz é que é pros bambas, pra quem deseja agarrar o sol, o poderoso sol da existência. Dá trabalho, tem que caminhar, tem que decidir, tem que se desprender da fraqueza de não se suportar e de não suportar o óbvio, o insosso; tem que se despregar do senso de autopiedade, da culpa, do pavor da crítica e se lançar como um raio, voraz na sede de iluminar e se iluminar.

pedro antônio de oliveira

2 comentários:

Clarice Paes disse...

Clarividência é mesmo o seu dom. Exatamente o que eu queria (precisava?) ler agora! Lindo como sempre!
Beijos!!

Raiza Cezar disse...

Concordo com você Antônio, ser feliz dá trabalho! Mas, ô trabalho que compensa! =D

Parabéns pelo texto.

Beijos