19.11.11

Bem assim


Ontem eu contei verrugas com este meu dedo.
Será que vai nascer alguma estrela?

pedro antônio de oliveira

4 comentários:

Zélia Cunha disse...

Que lindo, Pedro!

Saudades desse tempo...
^.^
Beijos

Dois Rios disse...

Que coisinha mais linda essa menininha!

Verrugas e estrelas fazem parte da história de toda criança.

Lembro que eu morria de medo de apontar para as estrelas, porque achava que não caberiam tantas verrugas nos meus dedos quanto havia de estrelinhas no céu, rs.

Como disse a leitora Zélia Cunha, tenho saudades desse tempo, também.

Fazia tempo que não vinha por aqui. Nos abandonamos mutuamente, rs.

Beijos,
Inês

Cibele (Que seja infinito) disse...

a m e i seu espaço!
abs.

Cibele (Que seja infinito) disse...

aMei te ver no meu cantinho! Pedro
o que faço dá só um pouquinho de trabalho, mas a satisfação é enormeeeee!
Bjssssssssss :)