24.2.10

Ler é super!

"A escola e a família têm um papel importante. As crianças não têm ideia da riqueza que podem encontrar em um livro (...). Deveríamos então ser iniciados por professores e pais nessa parte tão essencial de nossa existência, que é o contato com a grande literatura."

Sabe quem disse isso?

Foi o filósofo e linguista Tzvetan Todorov.

Que tal ler o texto todinho?

Basta você clicar aqui.

19 comentários:

Suziley disse...

Maravilhoso as considerações desse sábio filósofo e linguista Bulgáro. O seu toque de humildade reconhecendo-se um "criador de teorias" e depois refazendo o seu caminho como um educador que realmente desperta no outro o interesse pela leitura, pelo cultivo da arte de se tornar "especialista" na existência humana. Ler é antes de tudo apaixonar-se, encantar-se e aprender sobre a vida e suas contingências. Que nossas crianças, jovens, adultos e idosos descubram os livros que tanto nos enriquecem. Parabéns, Pedro pela postagem. Nota Mil!! Boa noite, um abraço,
Suziley.

Wanderley Elian Lima disse...

Acho inclusive Pedro Antônio, que a família é mais importante nesse processo porque, além de dar o exemplo passa mais tempo com a criança. É claro que o professor tem também um papel importante nessa iniciação.
Grande abraço

Eduardo Montanari disse...

Isso me fez lembrar os meus tempos de segunda, terceira série, quando eu voltava pra casa todos os dias com um livrinho de histórias emprestado da biblioteca. Não sei o que me encantava mais: as ilustrações, a história sempre muito criativa ou o conjunto da obra. Ler é bom demais.

Pipa. A que sonha. disse...

Quando eu tiver minha pipas crianças, vou ler para elas seus livros.



Vc tem cheiro de carinho poeta.


Um beijo.

REGGINA MOON disse...

Pedro,

Grata por sua visita!Seu Blog é perfeito!

Retire para voce o selinho da semana que está no Verso & Prosa, para selar nossa amizade...

Beijos e ótima noite!

Reggina Moon

Morena disse...

Menino Pedro !!!

O amor aos livros é a melhor herança que os pais e professores podem deixar para uma criança. Ela nos serve de apoio contra todos os males do mundo, não pela intelectualidade mais na oportunidade de sermos transportados para mundos que nos trazem força, amor, solidariedade, etc...
Aqueles que encontram nos livros um amigo nunca estará sozinho..

Um xeru nesse coração lindo demais =***

Jordana Flávia disse...

Oi Pedro! Obrigada pela visita. É uma honra ter você participando do meu cantinho. Eu sou amante dos livros desde pequena. Daquelas que perdia os recreios procurando livros na biblioteca da escola e estava sempre atrás da professora pedindo indicação de boas leituras. E ainda hoje, mesmo com toda a correria, leio de um a três livros por mês. Acho fantástico todas as viagens que faço navegando por essas páginas. Aprendo coisas novas, visito outros planetas e dialogo com outros corações. Os livros me alimentam a alma.
Adorei os temas dos seus livros e já estou curiosa para conhecer as histórias!
Luz e paz! Sucesso nessa caminhada...

. Clarisse disse...

erm.. meus pais assumindo esse papel não seria bom. Meu pai já me falou o alfabeto errado - sério. O que esperar de uma pessoa assim? u.u medinho. (espero que ele não leia isso)

Beeijo!

Cristina e Márcia disse...

Pedro Antonio,tudo bem?
Ler é descobrir um outro mundo! Somos feitos de leituras acumuladas ao longo de nossas vidas...
Bjs de magia,
Cris

Jeanne disse...

Muito, muito legal mesmo teu blog.
Quanto ao post, o melhor de tudo é o exemplo. Ver os pais lendo ajuda.
E claro, desde cedo apresentar livros para a gurizada.
Beijos

Rafaela Andrade disse...

É Pedro, eu sempre amei ler e leio muito. Todos deveriam, é uma viagem única.

Quando você puder está convidado a participar da coluna convidados no Apenas um ponto esportivo, no seu estilo, com tema esportivo, mas do seu jeito, como quiser...

Beijos!

Simplesmente Outono disse...

Depois de muito tempo, eis-me aqui e lá também. Será que ainda lembra-se de mim? Finalmente o sistema de comentários voltou a funcionar. Espero que goste do que acabei de publicar.
Com o mesmo carinho de sempre, folhas secas deste Outono.

Analuci disse...

Adoro livros!!! A maior festa em casa era quando minha mãe chegava com livros infantis novos! E isso na década de 70, quando nem era tão popular livros para crianças!

Nina Souza disse...

muito legal, gostei!
bjs

Rute disse...

"No entender de Caruso(2003), atualmente há opções de lazer como televisão e o videogame. Muitas crianças estão sobrecarregadas de atividades como natação, futebol, além das obrigações da escola, lição de casa. O tempo que eles teriam para ler um livro está diminuindo. Infelizmente esse é o comportamento que está ocorrendo não só com as crianças mas com os adultos também.
E até , por um aspecto cultural do Brasil, falta incentivo, o brasileiro não tem a cultura da leitura.
Diante desa realidade cabe a perguntar: o que os educadores estão fazendo para resgatar o gosto imaginário nas leituras?
Por isso é de suma importância que professores batalhem pelo resgate lúdico, do gosto pela expressão oral/corporal, gosto pela leitura, pelos desenvolvimentos dos sentidos e sentimentos.
Como pedagagoa e contadora de história infantil a minha intenção é proporcionar a criança que ouve a história:imaginar , fantasiar e o gosto de querer sempre ouvir e ler mais e mais para ser tornarem críticos e bons leitores."

Fonte: Esse texto faz parte da minha monografia(curso pós-graduação) com o tema:Contar História:Uma Estratégia para o Desenvolvimento do Letramento Literário.
Beijinhos a vc, ótimo final de semana!!

Lucas Moratelli disse...

Ler bastante devia ser lei!

Tô indo lá ler...

Abraço Pedro.

Fatima disse...

Oi meu chameguinho!
Sodade do cê!
bjs.

Ana ® disse...

Adorei o post. Parabéns, pelo blog, colega blogueiro...!

Angel disse...

E essa foto, hein?! Fala se não dá vontade de ter um igual e ficar lendo historinhas pra ele?!

Acho precioso este seu amor a leitura, Pedro Antônio. Parabéns!